Os Sub-23 empataram, este domingo, a uma bola na receção ao SL Benfica. Jogo verdadeiramente de loucos no Complexo Desportivo de Fão, do qual o conjunto bracarense sai com claro e legítimo desconsolo.

A equipa de José Carvalho Araújo foi efetivamente melhor que o adversário, teve as melhores ocasiões para marcar, mas nunca consegui exibir a tranquilidade necessária para as concretizar.

Matreiro, o SL Benfica ganhou vantagem no primeiro tempo graças a um golo de Diogo Pinto (15′), que no segundo tempo acabaria por ver Velho travar-lhe uma grande penalidade. O empate para o SC Braga chegou por Lucas (79′), mas emoções deste jogo estavam longe de terminar.

Aos 84 minutos o árbitro da partida apontou para a marca de grande penalidade e exibiu o segundo cartão amarelo ao guardião do SL Benfica. Sem mais substituições para efetuar, os encarnados viram-se obrigados a colocar um jogador de campo na baliza. Porém, quando os astros pareciam alinhar-se para fazerem o SC Braga feliz… Namora atirou por cima.

Resultado francamente desolador para a Legião, apenas ‘consolada’ pela boa reação da equipa.