O SC Braga venceu esta quinta-feira a AD Fundão em jogo correspondente aos quartos de final da Taça da Liga.  Após o empate (1-1) no tempo regulamentar, os Gverreiros do Minho mostraram ter coragem na altura de bater as grandes penalidades e seguiram para as meias-finais da competição.

Os Gverreiros entraram bem no encontro. Logo aos 4 minutos, Cássio colocou a formação arsenalista em vantagem. A AD Fundão reagiu e mostrou ter muita qualidade, mas Vítor Hugo fez uma exibição simplesmente brilhante e retardou o empate.

No segundo tempo, depois de várias investidas, o Fundão conseguiu a igualdade no marcador por intermédio de Paulinho Rocha (30’). Até ao final do tempo regulamentar, ambas as equipas tiveram oportunidades para chegar à vitória, mas não conseguiram finalizar com proeza.

Nas grandes penalidades, os Gverreiros Cássio, Abreu e André Machado não tremeram e converteram de forma exímia. Mário Freitas (AD Fundão), na primeira grande penalidade, foi infeliz e atirou à trave. Pauleta converteu o único tento do Fundão, mas não conseguiu evitar a derrota.