Um volte-face nos jogos caseiros é o que espera José Carvalho Araújo para o embate deste sábado com Portimonense SC. Ao registo forasteiro cem por cento vitorioso, os Sub-23 querem juntar o primeiro triunfo dentro de portas, começando – assim – a fazer de Fão uma verdadeira fortaleza.

Volte-face: “Tivemos dois jogos muito difíceis com SL Benfica e Vitória SC, estando agora à espera de um Portimonense SC com as suas características, apostando nas transições e em ataques rápidos. Temos que estar preparados. Este encontro tem que culminar numa vitória e funcionar como um volte-face nos jogos em casa”.

Uma proposta a cumprir: “Aquilo a que nós nos propusemos no início da época, e esta liga e este projeto assentam nisso, foi formar a ganhar e com qualidade. Queremos jogar bem, que estes miúdos evoluam, que se sintam cada vez mais confiantes naquilo que é a nossa ideia de jogo e que se valorizem. Isso acontece tendo bola, fazendo bom espetáculos e vencendo jogos”.

Criar em Fão uma fortaleza: “Temos que nos manter fiéis a nós próprios e continuarmos a trabalhar da mesma forma. É verdade que fora de casa temos dois jogos e duas vitórias, com destaque para o último onde conseguimos conjugar uma grande exibição com um grande resultado. Esperamos que este jogo aconteça nesse registo. Vamos tentar que estes miúdos se soltem e se sintam cada vez mais confortáveis a jogar em Fão, que é a nossa casa e a nossa fortaleza”.