Apesar do mais importante ser sempre a conquista dos três pontos, a equipa feminina do SC Braga efetuou um futebol que merecia um brinde de champanhe. Com uma exibição de encher o olho, a formação liderada por Miguel Santos goleou o Boavista FC por 0-8 e segue na liderança da Liga BPI.

As Gverreiras do Minho espalharam magia desde o primeiro segundo do encontro. Contudo, foi apenas aos 22 minutos que abriram o marcador. Após um livre estudado, Daniuska apareceu no sítio certo e deu vantagem ao conjunto arsenalista. Sete minutos depois, a suspeita do costume, Vanessa Marques, voltou a mostrar o porquê de ser a melhor marcadora da Liga BPI e fez o segundo do SC Braga com um remate colocado. A formação minhota não desacelerou e continuou à procura de dilatar o marcador. A três minutos de acabar o primeiro tempo, o SC Braga conseguiu fazer dois golos por intermédio de Francisca (43’) e Babi (45’).

Na segunda parte o domínio das Gverreiras permaneceu e nos primeiros 15 minutos fixaram o resultado em 7-0 através de Uchendu (47’), Francisca (57’) e Vanessa Marques (59’). No entanto, o momento da tarde ainda estava por surgir. Vanessa Marques, aos 62’, atirou uma bomba ao ângulo da baliza defendida por Pontes – um momento que ficará na memória de todos os adeptos que tiveram presentes nesta partida. Até ao final do encontro, as Gverreiras podiam ter aumentado ainda mais a vantagem, mas não conseguiram finalizar com proeza mais de uma mão cheia de oportunidades de golo.