Bernardo Fontes renovou o seu vínculo contratual com o SC Braga, o qual passa a estar válido até 2026.

O jovem guarda-redes chegou em 2020 aos arsenalistas. Esta época assumiu lugar de destaque na equipa Sub-23 e inclusive já se estreou na Liga 3 ao serviço da Equipa B.

Presença assídua nos trabalhos da Equipa Principal, vê depositada em si a confiança do Clube e vai poder continuar a evoluir nos Gverreiros.

Sentimento

“Fiquei muito feliz com esta renovação. Era sem dúvida um dos meus objetivos. Quando se está na formação temos vários objetivos, os quais passam por renovar o contrato e chegar à equipa A. Felizmente já tenho integrado os treinos da equipa A e está tudo a correr muito bem”.

SC Braga

“O Clube é fantástico. Todas pessoas que trabalham comigo ajudam-me bastante. A integração no Clube e na cidade foi muito fácil”.

Ambiente

“É muito gratificante poder trabalhar diariamente com o Matheus, com o Tiago Sá e com o mister Eduardo. São pessoas com muita experiência e principalmente com muita humildade, ensinam muito aos atletas mais novos. São profissionais que já conquistaram muitas coisas, mas continuam a trabalhar com o mesmo empenho e com a mesma ambição. Isso motiva-me a trabalhar ainda mais”.

Condições

“Quando cheguei há dois anos, disse que o Braga nos disponibiliza excelentes condições para trabalhar e evoluir. A única coisa que nos pedem em troca é o nosso compromisso e a nossa seriedade. O SC Braga é enorme e temos de ter compromisso com o Clube que está a investir em nós”.

Clube

“O Clube está a crescer muito no cenário europeu e a nível nacional já é um dos maiores clubes. Aposta muito na formação o que motiva os jovens a trabalhar para um dia chegar à equipa A”.

Caraterísticas

“Sou uma pessoa com muita personalidade. Procuro sempre fazer o que acho que é melhor para a equipa”.

Objetivos

“Todos temos as nossas ambições e os nossos sonhos. Mas tenho os pés bem assentes no chão, tenho a noção que tudo tem o seu tempo. Existe uma hierarquia que tem de ser respeitada. Eu continuo a trabalhar e se um dia o Braga precisar eu estarei à altura. A curto prazo tenho o sonho de me estrear na equipa A, mas principalmente quero continuar a trabalhar e a evoluir. O Clube tem demonstrado que dá oportunidades aos mais jovens”.